top of page
logob10a.gif

Edição nº 267 - Fevereiro de 2023 - ano XXIII

Matérias inseridas no portal do jornal OLHO NU no mês de Fevereiro de 2023 na íntegra.

edotorial.gif

As novidades desta edição

topo

Img.: Arquivo pessoal

Infelizmente, mais uma notícia de falecimento chegou á redação. Luiz Alberto Rossi, pai do pioneiro do Naturismo Celso Rossi, faleceu no dia 7 de fevereiro. Luiz Alberto, embora não fosse naturista, foi o principal financiador do sonho de Celso Rossi, a Colina do Sol. Também em NATNotícias.

 

Fevereiro é mês muito especial para o naturismo brasileiro. Além de estarmos sempre no Verão, quando as oportunidades para a prática naturista se multiplicam, também é o mês de comemoração do nascimento de Dora Viv’ácqua, a conhecida Luz Del Fuego, a precursora do naturismo no Brasil. Lutando contra uma sociedade patriarcal, machista e preconceituosa na época em que viveu, trouxe para o Brasil o Naturismo, o novo estilo de vida, o qual conseguiu implantar com sucesso no Rio de Janeiro e abrindo caminho para a ampliação para outras regiões do país. Note-se, tudo isso a partir da década de 40 até mais da metade da década de 60, do século passado. Personalidade incompreendida até hoje, foi vítima de

IMG-20170206-WA0143.jpg

O recém falecido José Wagner participou em 2017, da décima quinta edição do CongreNAT, com sua alegria, disposição e como sempre gostava de se vestir - usando o cocar indígena. Na época já estava doente, mas não se abalou e continuou determinado a realizar seu trabalho pró naturismo e direitos indígenas. (Na foto com a querida amiga gaúcha Nilza.)

muitos ataques preconceituosos vindos de toda parte, notadamente de sua própria família famosa que se sentiu incomodada com sua existência. A questão é, sem ela, teríamos Naturismo no Brasil?

 

Por tudo que Luz Del Fuego representou e representa para o Naturismo brasileiro, do passado e atual, OLHO NU felicita a ilustre aniversariante do mês, nascida no Espírito Santo no dia 21 de fevereiro de 1917.

 

Paulo Pereira, também um dos maiores lutadores pelo naturismo brasileiro, teve privilégio de conhecer Luz Del Fuego pessoalmente, tornando-se amigos quando Paulo ainda era um jovenzinho jornalista e teve oportunidade ímpar de entrevistá-la para uma revista naturista alemã. A partir de então passou a conviver mais intensamente com ela até pouco antes de sua terrível morte em meados de 1967. Toda essa experiência emocionante e inesquecível Paulo Pereira traz às páginas do jornal Olho Nu nesta edição. Sua NATHomenagem à Luz apresenta um artigo histórico, uma versão breve, porém definitiva, da vida de Luz Del Fuego. Um testemunho da sua grande personalidade, somente possível de perceber pelas condições especiais em que Paulo obteve, quando Paulo era carinhosamente chamado de “o alemãozinho” por ela. O seu modo de pensar e seu modo de lidar com o mundo são revelados de forma emocionada e precisão. Não perca.

Para quem tiver disposição vale a pena fazer o passeio cultural promovido pela empresária Márcia Mística, no último domingo de março, quando ela irá visitar a Ilha do sol, na Baía de Guanabara, levando vinte privilegiados, que contarão com a presença do historiador Marcelo Spuhn e da atriz Izlaine, que fará uma performance sobre Luz del Fuego. Em NATHistória.

 

Uma boa oportunidade de conhecer o Naturismo com todas as características que o representam é participar da décima oitava edição do Congresso Brasileiro de Naturismo, o XVIII CongreNAT. Aqui o participante poderá encontrar naturistas de toda parte do Brasil e até de outras partes do mundo. São momentos de confraternização intensa, de muitas atividades, de ampliação e aprofundamento  de conhecimentos da nossa filosofia. E momento de muito trabalho com discussão e debates sobre a condução do Naturismo brasileiro. É neste evento que ocorre  a eleição para os cargos de gerenciamento da  Federação Brasileira de Naturismo, quando todos os dirigentes das associações e das áreas filiadas são convocados a votar. Por tudo isso o CongreNAT é imperdível. E, neste ano, o local escolhido para realização do evento tem instalações primorosas, com muito lazer e conforto. Será realizado no primeiro final de semana de março. Para participar veja todas as informações em XVIII CongreNAT.

O edital de convocação para candidaturas às eleições gerais que serão realizadas durante o CongreNAT está disponível em Notícias da FBrN. Em NATNotícias saiba quem são os candidatos às eleições deste ano da FBrN.

Naturista manauara Jorge Bandeira lança sua mais recente obra literária no Rio de Janeiro. Vamos colocar na agenda e prestigiar. Em NATCultura.

Img.: Arquivo JON

DSC02887.jpg

Nos CongreNATs sempre acontecem atividades extras especiais. Essa aula de Yoga ocorreu durante a décima quinta edição, em 2017, no mesmo local onde será realizado o deste ano, em Guarapari.

Será lançado no dia 1 de março, aproveitando a proximidade do aniversário de Luz Del Fuego, uma nova biografia, desta vez romanceada, escrita pelo escritor espanhol Javier Montes. O jornal OLHO NU ainda não leu o exemplar, mas espera o lançamento com muita curiosidade e expectativa. Em NATVariedades.

A Pedalada Pelada já tem data marcada para ocorrer em São Paulo, capital. Veja em Nudez & Sociedade.

 

É também do Ceará que vem mais uma vivência naturista do projeto Nuvem. Desta vez, durante o carnaval. Oficina com produção de placas para trilhas na cidade 

de Fortaleza. Segundo Reiges, o idealizador do Projeto, a proposta é unir o útil com o agradável, que na oportunidade os(a) participantes estarão dialogando sobre a filosofia naturista e contribuindo para a prática de Ecoturismo no Ceará. Em NATRegistro.

 

​A edição de fevereiro do boletim FOCUS, editado pela Federação internacional de Naturismo, está disponível para leitura na versão em PDF. São seis matérias: a primeira mostra o trabalho da Federação Internacional tentando se modernizar e sobreviver, a segunda mostra a visita naturista ao Hiperrealismo no Museu Maillol em Paris, a terceira conta como foi o encontro nacional dos naturistas da Itália, a quarta  mostra como foi a 50ª edição do festival de gala de natação naturista. A quinta faz homenagem a George Volàk, morto no final do ano passado e  a sexta traz convite para visitar um dos campings mais populares da Europa.

 

Ainda do exterior, o jornal OLHO NU lembra a data da fundação da Playa Luna, a única oficialmente naturista em todo imenso litoral chileno. Vale a pena conhecer. Quando estiver na região de Val Paraíso, não deixe de visitá-la.

 

​Pelo Brasil mesmo, aproveitando o verão, há pessoas que procuram praias alternativas para a prática do naturismo. Membros do NAT Ibiúna visitaram durante o carnaval as praias naturistas da Costa do Sol, do Rio de Janeiro: praia Olho de Boi e praia Brava.

O Graúna faz seu encontro ao natural de março, porém uma semana antes faz encontro têxtil em shopping center de Manaus, para conhecer novos candidatos a membros do grupo..

 

O presidente da ANACE participou de sua própria live com o tema "mulheres naturistas". Não perca.

A NATIbiúna fez seu primeiro encontro naturista do ano no final de janeiro. Leia o resumo do que aconteceu e veja muitas fotos. Também já está divulgando o próximo evento em março. Agende-se.

 

​A NATParaná comemorou aniversário no início de  fevereiro. Leia a resenha do evento comemorativo. E aproveite e já se agende para a festa Flashback, em abril.

A Associação Naturista de Abricó convidou para participar da comemoração do Dia Nacional do Naturismo, o aniversário de Luz del Fuego e os parabéns para os associados aniversariantes do primeiro bimestre.

 

A NatES convida frequentadores e amigos a se associarem à NatES para possibilitarem a  manutenção da infraestrutura da praia naturista.

O PlaNAT divulga seu agendamento para o ano todo.

 

​A NATCop fez encontro naturista em fevereiro e divulga o resumo do que aconteceu com muitas fotos nas galerias. Além disso divulga os nomes dos novos membros da diretoria recém-eleita.

Em 2023 haverá muitas oportunidades imperdíveis para participar das excursões étnicas por aldeias indígenas do Xingu. São Vivências e imersões totais junto com o modo de vida destes povos originais do Brasil. Inclusive mais um Cruzeiro Naturista pela Amazônia. Em NATPasseio

Não se esqueça de que no dia 21 de fevereiro comemora-se no Brasil o Dia Nacional do Naturismo. Aproveite para refletir sobre nossa filosofia de vida.

 

O jornal Olho Nu será atualizado durante todo o mês. Fique atento.

 

E vamos voltar a frequentar os eventos naturistas.

Boa leitura. Boa reflexão. Bom lazer.

 

Até a edição de março de 2023.

 

Pedro Ribeiro

pedroribeiro@jornalolhonu.com

Editor

Img: Folha Press

luz.jpg

SÃO GONÇALO, RJ, BRASIL: A bailarina e atriz Luz Del Fuego, posa para foto, na ilha do Sol, em São Gonçalo (RJ). (Foto: Acervo UH/Folhapress)

associa.gif

Dia Nacional do Naturismo na praia do Abricó

anabrico
aniv-fev.jpg

(enviado em 8/02/23 via WhatsApp)

Nova live da ANACE: mulheres naturistas

anace-live.jpg
anace

no instagram da ANACE @anace.naturismo

(enviado em 22/01/23 via WhatsApp)

Encontro têxtil de março do Graúna

grauna
grauna2.jpg

(enviado em 27/02/23 via WhatsApp)

Encontro ao natural de março

grauna.jpg

(enviado em 23/02/23 via WhatsApp)

Associe-se à NATEs e desfrute de Barra Seca

nates

Bom dia irmãos Naturistas e frequentadores de Barra Seca!

 

O mês de janeiro já se foi... iniciamos mais um mês e queremos contar com sua colaboração e contribuição para continuar nossas manutenções no espaço reservado a nossa prática Naturista no Estado. 
 

Os valores das anuidades serão os mesmos praticados no ano anterior. 
Lembre-se que é com a sua contribuição que mantemos o espaço acessível a todos. 

 

Todas as contribuições seja ela de: anuidade, acampamento, Day Use e doações são revertidos em manutenção e conservação do espaço reservado a nossa prática Naturista!
 

A Congregação Naturista do Estado do Espírito Santo é uma entidade sem fins lucrativos!
 

Ficou com dúvida de onde seu dinheiro foi investido?
 

Entre em contato com a diretoria da Nates e esclareça sua dúvida!
 

Estamos sempre à disposição!


Seja vc tb um associado Nates e nos ajude a manter nosso Paraíso!

nates.jpg

(enviado em 1/02/23 via WhatsApp)

Resenha do encontro de fevereiro do NATCop

natcop
natcop.jpg

Foi realizado no final de semana, dias 11 e 12 de fevereiro o Encontro de Amigos Naturistas da  Associação Naturista do Centro Oeste Paulista - Nat Cop. 

 

Foi um encontro de Carnaval. Entre várias atividades realizadas,  destacou-se o Bailinho de Carnaval, com marchinhas antigas, apresentação de mestre sala e porta bandeira e desfile de fantasias.  

 

O encontro foi realizado em uma chácara na cidade de Bauru, contando com uma bela natureza, piscina, salão com espaço gourmet e área de camping.

 

Tudo ocorreu na mais perfeita harmonia entre os amigos naturistas vindos de diversas cidades da região onde está inserida a Associação Nat Cop.  

 

Além do clima de descontração entre os amigos foi servido um excelente cardápio nas refeições completas e como todo evento foi realizada a campanha solidária, especificamente neste eventos os amigos participantes colaboraram com  doações de caixas de leite que serão entregue pela associação à Casa da Criança de Bauru.

Aproveitando a oportunidade divulgamos aqui a nova diretoria da Nat Cop, aí ao lado.

natcop18.jpg

(enviado em 15/02/23 via WhatsApp)

Primeiro encontro do ano da NAT Ibiúna

naibiuna

Nos dias 28 e 29 de janeiro de 2023 realizamos o nosso 14° Encontro de amigos naturistas, o primeiro do ano. O tema do nosso evento foi Festa do Branco, onde fizemos um brinde ao novo ano e todos receberam um filtro dos sonhos, confeccionado por mim. Tenho muita satisfação em dizer que foi um dos melhores eventos realizados pela Nat Ibiúna. Recebemos amigos naturistas de várias cidades do interior paulista,  alguns da grande São Paulo e outros amigos de outros estados. Em especial contamos com a presença de amigos da Nat Cop.  

 

Entre as várias atividades realizadas vale destacar os passeios de barco, trilha com diversão em duas diferentes cachoeiras onde pudemos praticar o naturismo, brincadeiras na piscina,  shows ao vivo, comemorações dos aniversariantes do mês, fogueira nos aquecendo a noite regado a um bom vinho e um excelente bate papo. Tudo aconteceu na mais perfeita harmonia com deliciosas refeições, entre elas tivemos um delicioso Baião de dois feito no disco de arado. Aproveitando a oportunidade convido os amigos naturistas a comparecerem no próximo evento Nat Ibiúna, que será realizado nos dias 11 e 12 de março.  

 

Em anexo, algumas fotos do nosso evento, nosso calendário atualizado e o convite para o próximo encontro. A diretoria da Nat Ibiuna, aguarda você! 

800-600ibi20.jpg
800-600ibi14.jpg

(enviado 5/02/23 por Cristiane Pires,  presidente da Associação Naturistas da Região Metropolitana de Sorocaba, NAT IBIÚNA, via WhatsApp)

Festa do Brega na NAT Ibiúna

natibiuna.jpg

(enviado em 2/02/23 via WhatsApp)

NATIbiúna divulga calendário de eventos para 2023

calen-ibi-2023.jpg

Obs: A associação NATIbiúna não é filiada à Federação Brasileira de Naturismo

(atualizado em 9/02/23 via WhatsApp)

Festa Flashback em abril

natparana03.jpg

(enviado em 14/02/23 via WhatsApp)

Estão abertas as reservas para o encontro do Grupo NAT-PARANÁ nos dias 31de março (sexta a partir das 20h a 02 de abril ( ate as 18h).

 

Desta vez o encontro será em um sítio alugado na região de Mandirituba- PR

 

- Portadores do Passaporte INF:
Passar o final de semana nos quartos coletivos: R$ 160,00 por pessoa
Para passar o final de semana acampado no sitio: R$ R$ 120,00 por pessoa

 

- Não federados e sem vínculo com a FBrN:
Passar o final de semana nos quartos coletivos: R$ 180,00 por pessoa
Para passar o final de semana acampado no sitio: R$ R$ 130,00 por pessoa.

 

Para sua diversão... teremos bingo, tirolesa, piscina aquecida, rio, baile dos anos 80 no sábado a noite e muito mais.                                   

- Day use: R$ 80,00

 

Observação:
- O jantar de sexta não está incluso, cada um leva algo para a sua refeição.
- Café da manhã coletivo no domingo;
- Demais refeições inclusas. - Levar bebidas da sua preferência.
- Levar roupas de cama e banho, travesseiro.

 

Não deixe para a última hora, pois as vagas são limitadas!
 

Informações e reservas pelo whatsapp 41-9151-7334 (Léo Spinola)
 

Esperamos por vc. 
A sua presença é muito importante.

(enviado em 20/02/23 via WhatsApp)

Aniversário NATParaná - a resenha

natparana
natparana01.jpg

Nos dias 04 e 05 de fevereiro de 2023 o grupo Nat-Paraná realizou seu encontro de aniversário comemorando dois anos de fundação. Desta vez o evento se deu numa chácara alugada no município de Mandirituba-PR. Além do Sol, que fez questão de se fazer presente, contamos com a participação de trinta naturistas de várias localidades (PR, SC e MG). Houve muita diversão com a piscina aquecida, tirolesa, trilha no bosque, cachoeira, churrasco e principalmente o alto-astral de todos.
 

Na reunião "fala do presidente" conversamos sobre a trajetória do grupo e sobre os planos para o futuro, apresentamos a diretoria recém-eleita para o mandato dos próximos dois anos, sobre a importância da Federação, do passaporte naturista e da participação de todos. Houve distribuição de brindes (copo personalizado e porta-copos), sorteio de massagem e até brinde com champanhe, tudo oferecido por membros do grupo.

natparana02.jpg

Eleita a nova Diretoria do grupo NatParana... da esquerda para direita... Mary - tesoureira, Estêvão  - Presidente, Je - Vice Presidente, Léo  - secretário, Elizeth - Diretora social e eventos... para um mandato de 2 anos

(enviado em 10/02/23 via WhatsApp)

Agenda de atividades de 2023 do PlaNAT

planat
planat.jpg

(enviado em 3/02/23 via WhatsApp)

registro.gif

Mais um happy-hour naturista em São Paulo

natregistro
happy-hour.jpg

Leia e veja como foi no portal OS NATURISTAS

(enviado em 14/02/23 via WhatsApp)

Vivência naturista em Fortaleza

nuvem
cenat01.jpg
cenat02.jpg

Dia 19 de Fevereiro (Domingo de carnaval), o Projeto Nuvem de cinema, fotografia e podcast sobre nudez, estará promovendo uma vivência Naturista com produção de placas para trilhas na cidade de Fortaleza. 

 

Segundo Reiges, o idealizador do Projeto, a proposta é unir o útil com o agradável, que na oportunidade os(a) participantes estarão dialogando sobre a filosofia naturista e contribuindo para a prática de Ecoturismo no Ceará. 

 

"As placas estão quase concluídas e o que falta mesmo é a arte do desenho que é super simples. O evento acontecerá no tempo de uma hora ao som de uma trilha sonora meditativa com lanche vegano", sendo essa a programação apresentada por Reiges.

 

O valor arrecadado será destinado para compra de equipamento do Projeto, como por exemplo, um drone. Por falta de apoiadores(a), Reiges pensou em algumas ideias para arrecadar fundos e além da vivência naturista, nesse ano haverão outras novidades. 

 

As vagas são limitadas e a participação é confirmada após a comprovação do pix. Quem desejar mais informações, basta entrar em contato via direct pelo @nuvemprojeto .

Atenção: a entidade que promove este evento não é filiada à FBrN

(enviado em 1/02/23 via WhatsApp)

historia.gif

Passeio à Ilha do Sol pretende resgatar história de
Luz del Fuego

ilha-do-sol

A empresária naturista Márcia Mística organiza o passeio para o final de março levando historiador que contará a história da Ilha do sol, residência de Luz del Fuego.

No dia 26 de março vinte privilegiados poderão visitar a mais icônica propriedade naturista brasileira, a Ilha do Sol, situada no meio da Baía de Guanabara, próximo à Ilha de Paquetá, que pertence ao município do Rio de Janeiro.

 

A Ilha do Sol foi abandonada à própria sorte após a trágica morte da bailarina naturista, que trouxe o naturismo para o Brasil. Lá ela recebia os naturistas brasileiros e algumas personalidades do mundo das artes, do cinema e da política onde todos, sem exceção, tinham que tirar as roupas para poderem ser recebidos no local. 

São essas ruínas que lá se encontram que serão visitadas no passeio comandado pela empresária Márcia Mística, naturista de longa data e autora de diversos eventos naturistas independentes.

Nesta ocasião, além do historiador Marcelo Spuhn, que contará as histórias sobre a Ilha e sobre Luz, ela própria será representada pela atriz Izlaine, que se caracterizará em perfomances especiais. O naturismo será permitido na Ilha.

Veja e ouça o vídeos ao lado para informações adicionais, Contato de Márcia Mística:  (24) 99864 6484. Este evento é independente da FBrN e da ANAbricó, mas conta com o apoio de ambas instituições.

marcia-ilha.jpg

(enviado em 15/02/22 via WhatsApp)

congrenat-18.gif

Novidades sobre o congreNAT

congrenat

Observamos que muitos participantes não retornarão a suas cidades no domingo, ficando mais alguns dias no  Espírito Santo,  por este motivo  sugerimos duas atividades opcionais pós Congrenat .

1 - 06/03/2023 (segunda-feira): Passeio de escuna naturista partindo de Guarapari.  R$ 40,00  por pessoa, com  paradas para mergulho e buffet de frutas.  Obs:  mínimo 30 pessoas para ocorrer o passeio.  Interessados entrar em contato com Drica 013-98861-0626  para mais informações.

2 - Barra Seca:  quem quiser dar um esticada até a Praia de Barra Seca,  nossa colega Silvia Mendes -  Pakots Viagens (011-94747-5613) negociou desconto com hospedagem por lá.  É só entrar em contato com ela.

Aproveite a oportunidade e explore o Espirito Santo !

Img.: Arquivo JON

congrenat.jpg

Poderá haver mais um passeio de barço naturista, como houve em 2017

(enviado em 6/01/23 por FBrN)

fbrn2.gif

Edital de convocação para eleições gerais da FBrN

fbrn

A Federação brasileira de Naturismo divulgou para todas as entidades filiadas e nas redes sociais naturistas o novo edital de convocação para as eleições gerais que ocorrerão durante a próxima edição do Congresso Brasileiro de Naturismo, em Gurarapari, no estado do espírito Santo, no primeiro final de semana de março.

O jornal OLHO NU reproduz o texto na íntegra a seguir e disponibiliza o link para o documento original em PDF. 

oficio.jpg

(enviado em 7/02/23 por FBrN via WhatsApp)

inf-noticias.gif

Nova edição de Focus no ar

focus

Focus, o boletim informativo da Federação Internacional de Naturismo está com a edição de fevereiro disponível para leitura, em cinco idiomas em seu website (inf-fni.org): inglês, francês, alemão, espanhol e português. Você pode ler a versão de sua preferência clicando sobre os idiomas. Facilitando seu trabalho o jornal OLHO NU disponibiliza a edição em língua portuguesa traduzida e editada pela naturista portuguesa Filipa Gouveia Esteves.

Leia nesta edição:

 

Um novo grupo de trabalho, presidido por Christo Bothma, assessor para a África-Ásia-Pacífico com sede na África do Sul, foi criado para analisar a adesão e o financiamento da INF-FNI, teve sua primeira reunião no mês de janeiro de 2023. Entre outras análises o grupo discutir o sistema de filiação, incluindo como trazer novas federações para o INF-FNI. Isso pode incluir novas formas de associação e maior uso do status de observador. Deve também olhar para o financiamento da organização: se a venda de selos continua a ser a melhor forma ou não,

Na matéria seguinte, a Associação Naturista de Paris (ANP), já conhecida como a força motriz por trás da criação do parque naturista de Paris em 2017 e das visitas ao museu naturista do Palais de Tokyo em 2018 e da Cinémathèque em 2020, colaborou com Tempora (empresa de eventos culturais) em três noites naturistas no Museu Maillol em Paris, para a exposição “Hyperrealism. Isto não é um corpo.“ Mais de 700 pessoas assistiram a estas sessões em novembro de 2022, que começaram com uma visita de imprensa, a que se juntaram membros da direção nacional da Federação Francesa de Naturismo, e um certo número de jornalistas que decidiram jogar o jogo colocando-se na pele real de um naturista.
 

Na página seguinte, leia que a Federação Naturista

focus.jpg

Italiana (FENAIT) promoveu e organizou a #Naturistinfesta, um encontro nacional proposto aos naturistas italianos no final do verão, de 9 a 11 de setembro de 2022, perto de Roma. Os 3 dias caracterizaram-se por um rico e variado programa destinado a tornar o fim-de-semana o mais agradável possível, com atividades lúdicas, boa gastronomia e descontração no bonito parque e piscina do local de alojamento.

 

A quarta matéria cobre 50ª edição de Gala do Aniversário da Natação Naturista, realizado de 4 a 6 de novembro de 2022, que aconteceu em Belgrado, Sérvia. Mais de 90 participantes de 13 diferentes organizações naturistas estiveram presentes no fim de semana. 60 nadadores competitivos, 12 juízes e controladores, 1 salva-vidas, 1 fotógrafo, 1 jornalista e os demais representantes dos organizadores e convidados. O encontro deste ano também contou com a presença de representantes da EuNat e da INF-FNI.

A matéria seguinte anuncia o falecimento de George Volak. Foi ativo na e para a INFFNI como membro do Conselho Consultivo desde 1998. Exerceu diversos cargos tais como assessor das Federações Não-Europeias. secretário da INF-FNI e de Presidente até 2008. .

 

Nas duas últimas páginas uma matéria turística sobre um campo naturista muito bem avaliado por seus hóspedes. As instalações do clube de aproximadamente 650.000 metros quadrados do BffL Hannover eV , na Inglaterra, são um dos parques de campismo mais populares da Europa. Pela quarta vez consecutiva! Situada no coração da área de proteção paisagística e ambiental,  com o Sonnensee de 170.000 metros quadrados e sua excelente qualidade da água.

Clique sobre a reprodução da capa desta edição acima para fazer o download.

(enviado em 13/02/23 via WhatsApp)

noticia.gif

Chapa única participará da eleição da FBrN

natnotícias

Apenas uma chapa está se candidatando aos cargos principais do pleito eleitoral que ocorrerá durante a décima oitava edição do Congresso brasileiro de Naturismo que será realizado na cidade capixaba de Guarapari entre os dias 3 e 5 de março.

Para os cargos de presidente, vice-presidente e tesoureiro que formam uma única chapa, a única a se inscrever foi a chapa ReNUvar cujos candidatos são, respectivamente: Paula Duarte Silveira (reeleição, atual presidente da federação), José Oliveira Aragão (membro da ANACE) e Celso de Genaro Júnior (reeleição, atual Tesoureiro).

Também serão eleitos neste pleito os três novos membros do Conselho de Ética, mas apenas três candidatos se inscreveram: Francisco José Morgado Lanfredi (membro do SPNat), Evandro Cruz dos Santos (membro da ANACE) e Bruno Piatto Curto (membro do SPNat).

Tendo em vista que o número candidatos inscritos para o Conselho de Ética foi insuficiente, pois são necessários serem eleitos também os três suplentes, serão aceitas inscrições extemporâneas durante o Congrenat, sendo necessário que a pessoa possua o selo atualizado, neste pleito de 2022, conforme descrito no item 5 do Regulamento da Comissão Eleitoral.

(enviado em 23/02/23 via FBrN)

Nota de falecimento: Luiz Alberto Rossi

rossi
pai-celso.jpg

(enviado em 7/02/23 via Whatsapp)

homenagem.gif

A Luz Atemporal – Testemunho e Releituras

nathomenagem

Na comemoração do nascimento de Luz Del Fuego, Paulo Pereira presta homenagem pungente, profunda e de reconhecimento sincero à pioneira do Naturismo brasileiro. De forma emocionada o articulista mostra a vital e indubitável importância dessa personagem máster, a mulher que rompeu todos os grilhões que aprisionavam a sociedade da época em que viveu. Paulo, nestas próximas linhas, conseguiu, mais uma vez, com sua habilidade de sempre, converter em texto toda a essência da personalidade de Luz com sua habitual emoção, profundidade e referência, respaldado sem dúvida por sua própria experiência pessoal, além de sua bagagem cultural e erudita.

por Paulo Pereira

Fevereiro/ 2023

Nesses tempos meio nebulosos, que a humanidade enfrenta, perplexa e cúmplice, quando a violência, o improviso e a superficialidade promovem desastres e perdas graves, parece pertinente sublinhar enfoques restauradores, serenos e respaldados, e testemunhar exemplos edificantes, a harmonia entre homem e natureza enfatizada. Dentro desse contexto, temos o privilégio, apenas compartilhado por poucos estudiosos, de testemunhar a dimensão especial da imagem e do legado de Dora Vivacqua, a notável Luz del Fuego, Musa de Paquetá, a Nativa Rebelde da Ilha do Sol, pioneira absoluta do Nudismo-Naturismo do Brasil, um fenômeno histórico reafirmado, que os anos transcorridos atestam cabalmente. Fazemos essa releitura, sobretudo, sucinta e afirmativa, considerando, com serenidade e determinação, que a imagem de Luz del Fuego é recorrente, definitiva, e brilha como o fogo da verdade, atemporal, indiferente às superficialidades e às narrativas interessadas e ideológicas, que assombram os nossos dias tempestuosos. Já em agosto-setembro de 2019, no “Jornal Olho Nu”, falamos de Dora, de Luz atemporal, palavras escritas vindas da alma e do conhecimento, que confirmamos aqui e agora... É disso que se trata!

             

Decorridos cinquenta e cinco anos de sua trágica morte, de seu bárbaro assassinato cultural, Luz ressurge sempre, dentro e fora do Brasil, a grande

Foto_1.jpg

A Verdade Nua (Luz del Fuego), 1950 – A Carta Magna do Nudismo-Naturismo do Brasil – Pioneirismo. História Viva!

pioneira nudista-naturista brasileira, que jamais morreu de fato, sobretudo, porque é uma ideia atemporal, uma centelha ardente de vida superlativa, que repele a ignorância como virtude e a hipocrisia como verdade. Já nas décadas dos anos trinta, quarenta e cinquenta, do século XX, Luz conseguia, com sua rebeldia lúcida, estremecer velhas certezas absolutas, abrindo alguns portais secretos, planos e ângulos sutis, preciosos, meio herméticos, que a sociedade preconceituosa, escravagista, tentava esconder nos porões mofados da inconsciência. É disso que se trata, afinal, a luta insana e brutal pela liberdade sem medo, por uma vida como a natureza quer... Esse sempre foi o melhor combate travado por Luz, a Nativa Rebelde. É realmente disso que se trata quando falamos de Luz, uma mulher adiante de seu tempo, fora da jurisdição do mundo, a exemplo do que Sir Winston Churchill disse a respeito de Lawrence da Arábia, um nobre habitante dos picos extremos das monta-

Foto_2.jpg

Revista “Naturalismo”, 1950. A Plataforma do Nudismo-Naturismo, sem acaso ou armação – Isso é História!...

nhas gigantes, onde o ar é frio e rarefeito, e onde a vista, nos dias claros, comanda todos os reinos do mundo e sua glória... É precisamente disso que se trata, sublinhamos fortemente, quando focalizamos Luz del Fuego, a humanista toda nua, a feminista, a exótica mulher-cobra, a índia-coragem recôndita, sábia...

 

O paralelo aparentemente inusitado entre Lawrence e Luz é fruto de uma vivência rica, que permite abrir alguns portais caprichosos e lançar um olhar perceptivo, quase iniciático, para prismas que não tem idade... Referência. Experiência.

 

Korda, afirmado autor do livro sobre Lawrence, “Hero, The Life and Legend of Lawrence”, ao concluir seu excelente texto, enfatiza a percepção de Sir W. Churchill, que nos alerta para o fato de que muitos são os livros, os textos sobre Lawrence, vulto extraordinário que permanece iluminado, um foco histórico-filosófico ainda a ser explorado, uma história viva a ser contada, repensada, a busca, quem sabe, de horizontes ainda mais largos e claros. Assim também acontece com Dora, com Luz del Fuego, minha agridoce mestra, pioneira, estrela que repele agendas fixas, clichês cansados, olhares míopes.

 

O brilho atemporal de Luz incomoda os sacripantas, príncipes das trevas anticientíficas, espíritos enfermos a serviço da falsa erudição, que perseguem melancolicamente as meias-verdades, e que imaginam um naturismo ideológico, místico-religioso, nudofóbico, eufemista, o nudismo conceituado como exibicionismo,

um disparate tragicômico.  Luz del Fuego não morreu por acaso; a vida de seu corpo físico foi sacrificada, mas sua imagem, e sua mensagem, estão vivas, atanates, consagradas, porque a Verdade Nua não sabe morrer!...

 

Mais de cinquenta anos depois de sua morte, seu nome e sua obra continuam lembrados, eternizados em textos publicados, considerados pelos estudiosos isentos, conforme ela própria, Luz, preconizou, anteviu. É disso que se trata, aqui e agora, dentro do rígido contexto histórico, do público e do notório, sem acasos falsos, sem armações, quer sejam jornalísticas, ideológicas, ou meramente imbecis. A realidade se impõe!...

A exemplo, pois, do extraordinário Lawrence, Luz se revela, afinal, como um gênio, um ser superdotado, e até por isso meio enigmático, a inquietante inconclusão eventual como um monumento, o sonho vivido sempre de olhos bem abertos para ser possível, sem qualquer utopia, sem arrependimentos. Na vida do dia a dia, como pude testemunhar, conversando longamente com Luz, alguns temas e ações mereciam atenção especial: a poluição sem solução prática das águas, da Baía da Guanabara; o abandono e o sofrimento dos animais; o estigma e a agressão às pessoas dos grupos LGBT; o modelo de vida cheio de artifícios da sociedade, sem ar puro, sem sol, sem o verde das matas e jardins; o puritanismo exacerbado, medieval, racista, inatural... É disso que se trata, que se deve considerar, ao falar de Luz del Fuego, Verdade Nua!... Beleza selvagem, naturalidade, pioneirismo, coragem, coerência, premonição: a marca do gênio, o bicho da chama do fogo infinito...

 

E, então, vários ilustres autores, otimistas, se aventuraram na busca por Luz del Fuego, tentaram, conseguiram boas biografias, sobretudo, falando especialmente sobre encontros e desencontros, gozos e sofrimentos, família e sociedade, recolhimentos e ousadias, um grande esforço para alcançar uma estrela inatingível, que se vislumbra à distância, de quem se ouviu falar, uma entidade galáctica, caprichosa, que se

Foto_3.jpg

Capa de “Rio-É”, nº 31, 1994 – Luz proclamada Madrinha da Rio-Nat – Associação Naturista do Rio de Janeiro. Reconhecimento e Verdade.

revela, se necessário, em entrelinhas, reticências, transcendências raras, luzes atemporais... Mas vale a  busca sempre, sem cegueira intelectual.

 

Aguinaldo Sila e Joaquim Vaz de Carvalho, por exemplo, ofereceram um texto bem concebido e, na capa de seu livro “Luz del Fuego”, mostram a língua bífida de cobra projetada da boca de mulher, instinto, sensualidade e mistério, pecado e transgressão, beleza e veneno, verdades nuas, o convite irrecusável à reflexão. E, num contraponto conciso, Thiago de Menezes destaca o que chama de “A Verdadeira Luz del Fuego”, na realidade a única, até porque não há qualquer outra menos verdadeira, autêntica, respaldada pela história. Mas Thiago, talentoso, enfatiza seu enfoque lúcido, e percebe que Luz está bem acima do comum, da mediocricidade reinan-

Foto_4.jpg

Luz del Fuego Pioneira, Material, Verdadeira (Arquivo de Paulo Pereira). Testemunho Histórico. Simplicidade. Naturalidade. Verdade Nua.

te do mundo, e até por isso foi morta, uma tentativa clara de assassinato cultural.

 

Thiago, que se dedica, como eu, Paulo, à gatofilia, aos felinos, meio magos, inquietantes, sublinha o pioneirismo naturista de Luz, humanista e feminista, e registra, repitamos, o assassinato cultural de Luz, que não pode ser menosprezado. Luz sempre contrariou interesses inconfessáveis, sombrios, vazios, e muitos sempre tentaram silenciá-la, mas uma ideia viva é perene, sempre eloquente, soberana...

 

Essa percepção é igualmente reafirmada nos livros de Cristina Agostinho, em duas edições, “A Bailarina do Povo”. A segunda edição oferece ao leitor um texto bem

pesquisado, com uma apresentação especial, uma página emocionada, escrita por Henrique Oswaldo Vivacqua Campos, sobrinho de Luz, um pequeno texto despido de pernosticismos, salientando o perfil humano de Dora, de Luz, a sua tia pioneira, cujos pensamentos declarados nada tem de utopia efetiva ou romantismo, sobretudo, porque são respaldados pela natureza, por uma visão privilegiada do natural, de um modelo de humanidade mais livre, mais equilibrado, mais feliz, o que em nada pode contradizer o Movimento Naturista rigorosamente, anotemos de passagem.

 

E Henrique Oswaldo anota, definitivo: “Quando se falar em liberdade artística, em coragem de quebrar grilhões do conservadorismo ultrapassado, a referência à Luz del Fuego se impõe. Como pioneira, precursora que foi do feminismo, do ambientalismo e do naturismo no Brasil, e no mundo de seu tempo, e por sua posição de vanguarda no sonho também de liberdade política"...

É disso que se trata! Sem meias palavras, sem elucubrações de pseudo-saber, sem utopias ou choques frontais hipotéticos, as verdades dos fatos se impõem, e mostram a grandeza e a preciosidade de Luz, a agridoce mulher-cobra da Ilha do Sol...

 

O brilhante Lewis Carroll escreveu uma caçada do “Snark”, mistura de “Snake” e “Shark”, cobra e tubarão, o senso comum desafiado, assim como com Luz e suas cobras, uma comunhão inquietante, Luz como mulher-cobra, mente selvagem, o natural exaltado, a identidade nua consagrada, como anotamos no “Apêndice”, páginas 150 a 167, do livro Da Identidade Nua, Uma Perspectiva”, 2021, Amazon, um texto modesto, afirmativo, sereno, testemunho de quem teve o privilégio de conviver com Luz, por um curto período, é verdade, mas pleno de serenidade, de entendimento.

 

Novos olhares se voltam para Luz, talvez na tentativa de compreendê-la, de analisá-la, uma tarefa meio ingrata, um voo meio cego na direção das estrelas, mas as buscas cidadãs são sempre válidas. No vasto deserto de bom senso em que a humanidade anda perdida, todo oásis, grande ou pequeno, torna-se precioso...


A hipocrisia e a falsa erudição consumista continuam amarradas a um poste, como diria Luz del Fuego, que denunciou o artificialismo e o ranço pudico como chagas dolorosas da sociedade convencional, sempre presa a certezas absolutas e a convicções enfermas,

Foto_5.jpg

Album da “Freikoerperkultur – FFK””. Reconhecimento Internacional. A Verdade Nua Consagrada. Isso é História!

mas, como nos ensinou o mestre F. Nietzsche, as convicções são inimigos mais perigosos da verdade do que as mentiras...

 

E, quando se fala de Luz, é preciso ter em mente a justa medida do inusitado, do genial, do sutil, do transcendente, longe de elucubrações teóricas, parnasianas, e evitando simples exercícios literários geralmente divorciados do real contexto histórico de Dora Vivacqua. E, dentro dessa perspectiva, é oportuno registrar, em tempo, que a segunda edição da obra de Cristina Agostinho (“Luz del Fuego, A Bailarina do Povo”), uma biografia cuidadosa, nos oferece, ao final, uma transcrição da histórica revista “Naturalismo”, 1950, com texto e fotos de Luz, uma referência importante, e, antes, a matéria “Luz Escondida”, página 201... Palavras de Luz sempre sinceras, nuas e cruas, o poder cego do dinheiro colocado a descoberto, a realidade da morte física

Foto_6.jpg

Luz na Ilha do Sol (com um amigo). 1966. Foto histórica de Paulo Pereira publicada no nº 127 de “Freies Leben”, Alemanha, juntamente com texto. Pioneirismo. Fato. Documento. Verdade.

mencionada sem meias palavras, o modelo de vida que a sociedade procura disfarçar, vestir melhor, ignorar...

 

As cegueiras, intelectual e espiritual dos homens ditos civilizados são os fundamentos da alienação, que impera no mundo inventado, inatural, que o bicho-homem tem construído de forma suicida, irracional. É disso que se trata: o que vale é a Verdade Nua, o choque de realidade, a vida como a Mãe-Natureza planejou, a nudez como traje de nascença, sem pecado, sem fobias, como Luz del Fuego vivenciou!

 

Num mundo tumultuado, consumista, guiado pela ganância, pelo ódio, pela guerra fratricida, pela megalomania louca, pelo falso pudor, pela destruição dos biomas naturais, o importante é perceber, com conhecimento e isenção, a dimensão especial da imagem e do legado de Luz del Fuego, afinal, uma reflexão irrecusável, madura, em vez de convicções enfermas, alienadas.

O bom senso e a sabedoria nos fazem enxergar a grandeza de Dora Vivacqua, a extraordinária Luz del Fuego, que se faz atemporal, a icônica “Salomé” de Del Picchia reafirmada, vivenciada, “entregue à sua liberdade, à sua ânsia de viver sem limitações, plena e selvagem”, de fato a identidade nua consagrada... É disso que se trata!

Longe da incansável algazarra dos homens alienados, que insulta os ouvidos da Natureza, como afirmam nossos sábios índios, Luz del Fuego construiu seu refúgio na Ilha do Sol, hoje abandonada pela cegueira intelectual da sociedade consumista, mas, na realidade, um monumento silencioso de um viver natural, sem compromissos com o superficial, o convencional, o medíocre, o preconceituoso, o anticientífico...

 

Querendo conscientemente encontrar Luz del Fuego atemporal, é indispensável abandonar o trivial padronizado, o olhar estreito, e tentar voar bem mais alto, como fazem as destemidas águias, vislumbrando energias luminosas, horizontes sutis, enfim presenças etéreas preciosas.

 

É verdade, anotemos atentamente aqui e agora, como bem registra o erudito E. Percy Ellis, que o convencionalismo e a superficialidade geralmente predominam no dia a dia, e na fala de cronistas afoitos, “é sempre assim, alguns perceberão sempre a manifestação exterior e não a compreenderão; outros terão olhos e ouvidos apenas para o sensacional, o excepcional”... Ellis, perspicaz e estudioso, falava da Verdade!... Dessa forma, muitos se perdem em convencionalismos e aparências ao buscar Luz del Fuego, longe da melhor percepção: saltos de rãs no lugar do voo das águias...

 

Percy Ellis, sublinhemos, culto e direto, referindo-se à Verdade, nos alerta para aspectos fundamentais: “O primeiro é o medo de ser desprestigiado, a recusa de

Foto_7.jpg

Capa do livro “Luz del Fuego”, de Aguinaldo Silva e Joaquim Vaz de Carvalho. A língua bífida da Mulher-Cobra. A Natureza exaltada, inquietante...

ler ou ouvir qualquer coisa que não confirme nossas opiniões; o segundo é o desejo de receber a glória dos homens, de ser bem aceito, considerado”...

 

É chegada a hora de ver Luz com olhos bem abertos, iluminados, a Luz atemporal, nua e crua, que nos ensina a voar com as águias, sempre mais alto, o infinito eleito, a Sabedoria consagrada. É disso que se trata: a plenitude da liberdade exaltada, vivenciada, inclusive com sacrifício pessoal, e a Ilha do Sol como templo da Verdade Nua...

 

Enfatizo que a Verdade assusta, incomoda os sacripantas de todos os matizes, que tentaram repetidas vezes desqualificar, e fazer esquecer Luz del Fuego e seus amigos, sempre o preconceito, o ódio e o oportunismo rasteiro em lugar do conhecimento e do amor fraterno. Mas a Verdade não sabe morrer! O exemplo de Luz nos fala da Vida Levantada, da Verdade Nua, que sublinho nesse meu testemunho, e assino como o "Alemãozinho",

conforme Luz me chamava, correspondente de “Freies Leben”, a história viva prestigiada, a Luz da Verdade assumida, enfrentada. Então não se deve inventar, elucubrar novidades, mas especialmente respeitar os fatos, a história viva, sobretudo, e as próprias palavras escritas por Luz del Fuego, por exemplo, nas páginas da icônica revista “Naturalismo”, 1950, que constituem a chamada “Carta Magna do Nudismo”, “Plataforma do Nudismo”, objetivamente, “a vida essencialmente pura”, o Nudismo-Naturismo de raiz... Falar, ou escrever, a respeito de Luz del Fuego é tarefa privilegiada, que exige referência, intimidade com vivências raras, com o essencial precioso, até com vislumbres infinitos. É disso que se trata, afinal! Luz é estrela atemporal!...

Foto_8.jpg

Luz del Fuego na Ilha do Sol, Templo da Verdade Nua, Refúgio Sagrado da Liberdade Sem Medo. Vida e Morte. Renascimento Atemporal.

Nota do autor: Ao autografar para mim sua talentosa tradução da obra clássica de Lewis Carroll, “A Caçada do Snark”, o mestre historiador Jorge Bandeira, generoso, escreveu: “Para Paulo Pereira, naturista, História do Naturismo, continuador dos ideais de Luz del Fuego”, uma percepção que aumenta a minha responsabilidade ao testemunhar a vida e a obra de Luz, sobretudo, a dimensão de uma estrela inatingível... De fato, a Verdade Nua vive!...

* Paulo Pereira é naturista, escritor e estudioso do Naturismo no Brasil. Algumas de suas obras podem ser encontradas na loja virtual Jornal OLHO NU.

Sua história no naturismo pode ser encontrada na edição 261 - agosto de 2022 do jornal OLHO NU.

(enviado em 1/02/23 por Paulo Pereira)

varie.gif

Marcada a data de lançamento de novo livro sobre Luz del Fuego: 1 de março

natvariedades
livro.jpg

(enviado em 24/02/23 via WhatsApp)

Novo livro sobre Luz del Fuego é lançado no mês de seu nascimento

De autoria do espanhol Javier Montes e tradução de Silvia Massimimi Felix, um novo livro com a biografia de Luz del Fuego está sendo lançado neste mês de fevereiro.

luz.jpg

"Entre o final dos anos 1940 e a primeira metade dos anos 1950, o Rio de Janeiro era a capital do Carnaval no Brasil. Os salões eram frequentados pela nata da sociedade, por estrelas de Hollywood e por todos aqueles que queriam se entregar ao profano sob o reinado de Momo. Mas ninguém superava uma figura: Luz del Fuego.

O alter ego de Dora Vivacqua, uma moça nascida na provinciana Cachoeiro de Itapemirim (ES), era, sem sombra de dúvidas, a presença mais aguardada na entrada dos grandes bailes da época. Nem as maiores personalidades estrangeiras, nem os políticos poderosos ou socialites que estampavam as colunas sociais da época superavam a apoteose que era a aparição de Luz del Fuego, seminua, envolta por uma cobra.

Figura mítica, atriz do teatro de revista, modelo e ativista avant la lettre, ela superou barreiras e enfrentou o conservadorismo brasileiro em prol da liberdade do seu corpo e de sua arte. “Por que não simplificar as leis para aproveitar melhor os pequenos grandes prazeres que nos são concedidos a muito curto prazo? Para a fome, temos o pão; para a sede, a água; para a imoralidade, a nudez.” Com essas palavras, Luz del Fuego alçou voos inimagináveis e chegou aonde sempre quis estar: no topo.

E como se a subversão do corpo já não fosse uma grande luta, Luz del Fuego também rompeu outras barreiras: criou a primeira comunidade naturista brasileira, conhecida como ilha do Sol; montou um partido político; viveu abertamente a sua pansexualidade e defendeu o que hoje chamamos de direitos lgbtqia+ e as causas ambientais.Neste livro, Javier Montes narra, com o tanto de ficção que Del Fuego merece, a vida dessa personagem ímpar de nossa história. Como disse Rita Cadillac no texto de orelha do livro: “Que toda mulher possa ter um pouquinho da alma de Luz del Fuego, que lutou com determinação e garra por aquilo que acreditava, que nunca se dobrou a qualquer mando masculino”."

Pré-venda no site da Fósforo: https://bit.ly/3H5p5UF
Tradução de Silvia Massimini Felix

(enviado em 1/02/23 via WhatsApp)

praias.gif

Passeando pelas praias naturistas da Costa do Sol

natpraias

por Eduardo G C Costa, Kadu -

Vice-Presidente da Nat Ibiúna.

buzios02.jpg

Praia Olho de Boi - Búzios - RJ

No Feriado de Carnaval, fomos em duas praias naturistas legalizadas, porém sem associações naturistas que zelem por elas. Praia Olho de Boi, em Búzios e Praia Brava em Cabo Frio, ambas na famosa Costa do Sol no estado do rio de Janeiro, praia naturista não oficial.

 

Na Praia Olho de Boi, após fazermos uma trilha um pouco difícil porque a vegetação estava muito alta, nos encantamos com a beleza da praia e ficamos felizes em encontrar amigos naturistas e ver a presença de mulheres. Tinha um rapaz tomando conta e dando orientações sobre o respeito ao local. 

 

Na Praia Brava, a trilha um pouco mais tranquila encontramos homens, mulheres com crianças e casais. Foi muito bom poder praticar o naturismo no contexto social nestas duas praias. 

cabofrio01.jpg
buzios03.jpg
buzios01.jpg

Imagens:

ao lado e abaixo, Praia Brava de Cabo Frio.

Acima: Praia Olho de Boi, Búzios.
 

cabofrio02.jpg

(enviado em 24/02/23 via WhatsApp)

Playa Luna, no Chile, comemora 23 anos de Naturismo

play-luna
luna.jpg

A única praia naturista oficial do Chile foi fundada e é preservada na sua essência há 23 anos por René Rojas, em 30 de janeiro de 2000.

Graças a seu trabalho perseverante e contínuo Playa Luna, próxima da famosa região de Val Paraíso, se manteve com o espírito naturista triunfante. Mas não sem problemas: "Algumas pessoas procuram o local com intenções sexuais e acabam manchado a imagem da praia e do próprio Naturismo", lamenta Rojas em conversa com o jornal OLHO NU.

Chama-se Playa Luna e leva este nome em homenagem ao seu criador, René Rojas, pioneiro do Nudismo Organizado Naturismo no Chile. Foi ele quem organizou um grupo de nudistas e nomeou a praia em 30 de janeiro de 2000. Alguns meses depois, um juiz determinou que não era ilegal praticar nudismo nesta praia.

Ele conta que se inspirou no entusiasmo que sentiu ao visitar a Praia da Galheta, em Florianópolis, em Santa Catarina, no final dos anos 90, e considera Miriam Alles, criadora do naturismo da praia da Galheta, a madrinha da Playa Luna.

É uma bela praia com falésias altas, costas largas e muita tranquilidade onde muitos encontram o seu lugar para relaxar e desfrutar do som das ondas a quebrar furiosamente na costa.

Mas antes de ir para Playa Luna, você deve considerar que há certas coisas que não podem ser feitas. Os regulamentos estabelecidos pela maioria das Associações Internacionais de Naturismo são baseados principalmente no bom senso e no respeito social. É proibido filmar ou fotografar grupos de pessoas que não autorizam a filmagem de perto. Além disso, recomenda-se não olhar para as outras pessoas de forma irritante, provocativa ou persistente.

É ideal para quem gosta de relaxar na areia. No entanto, não é a única coisa que pode ser feita; também são realizadas observação de pássaros, aulas de ioga, meditação e relaxamento.

Playa Luna está localizada na comuna de Puchuncaví, entre a cidade de Horcón e o balneário Maitencillo. Pode ser alcançado através do km 50 da Rota F-30-E, uma rota costeira que vai de Concón a Papudo. O tempo de deslocamento de um local a outro dependerá do trânsito da região, que costuma ser bastante congestionado pela manhã e à tarde.

Para ajudar a manter com ainda mais eficiência o espírito naturista e a preservação ambiental da área, Renè criou uma fundação para cuidar também destas questões,

Texto baseado nas informações do jornal argentino MDZ e com entrevista para Pedro Ribeiro de Renè Rojas.

(enviado em 10/02/23 via WhatsApp)

nud_socied.gif

Pedalada Pelada está marcada em São Paulo

pedalada

São Paulo é a primeira cidade brasileira a confirmar mais uma edição do World Naked Bike Ride, a Pedalada Pelada.

Nascida como movimento de protesto contra os acidentes ciclísticos no trânsito das grandes cidades do mundo, causados por motoristas de carros imprudentes, o World Naked Bike, ou simplesmente a Pedalada Pelada, teve suas primeiras edições nas cidades brasileira há mais de 10 anos.

São Paulo é a primeira cidade brasileira a confirmar a edição de 2023. Lá já virou tradição, tanto que nem mesmo durante a pandemia do Coronavírus impediu que se realizasse.

Outras cidades brasileiras vez ou outra também realizam o evento: Porto Alegre, Rio de Janeiro, Belo Horizonte, mas as organizações ainda não se confirmaram.

A décima edição da cidade de São Paulo será realizada no dia 11 de março (em todo o Brasil costumam ser nas mesma datas), com concentração às 20 horas na praça do Ciclista, na Avenida Paulista e percurso determinado na hora, o qual é inteiramente escoltado pela Polícia Militar. A duração do evento é de cerca de três horas.

Não se trata de evento naturista, mas muitos naturistas participam. É um evento de protesto contra as más condições e a violência do trânsito contra os ciclistas.

Img.: Acervo pessoal

pedalada01.jpg

Imagem da concentração na praça do ciclista, na Avenida Paulista, ponto tradicional de início do protesto.

(enviado em 6/02/23 por SPNat)

cultura.gif

Naturista manauara Jorge Bandeira lança sua mais recente obra literária no Rio de Janeiro

NATCultura

O professor, escritor, dramaturgo e ator Jorge Bandeira lançará no Rio de Janeiro sua mais recente obra literária. Trata-se de uma coletânea de textos publicados originalmente em jornais da cidade de Manaus, que criticavam as peças teatrais que estrearam na capital do Amazonas. Haverá noite de autógrafos em um dos mais tradicionais pontos culturais da cidade do Rio de Janeiro, a Estação NET Rio.

 

Jorge foi o fundador do Graúna, Grupo Amazônico União Naturista, um de seus presidentes. Foi vice-presidente da Federação Brasileira de Naturismo e membro do Conselho Maior da mesma instituição.

jorge.jpg

(enviado em 03/02/23 via WhatsApp)

passeio.gif

EtnoTurismo na Aldeia LAHATUA

eco01.jpg
natpasseio

(enviado em 8/02/23 via WhatsApp)

Kuarup 2023 - duas oportunidades diferentes

eco03.jpg
eco02.jpg

(atualizado em 8/02/23 via WhatsApp)

ecologo1.gif
bottom of page